Objetividade e frieza

coracao-gelado

  • O que eu não entendo é porque ele ficou tão brabo comigo depois.

  • Hum… você acha que ele não deveria ter ficado assim?

  • Claro. Eu só falei os fatos para ele.

  • Sim. Você descreveu algo que você vê nele.

  • Pois é! Porque ficar tão brabo comigo por isso?

  • Porque não?

  • Ué, ele deveria pensar sobre aquilo e pronto… não vejo para que se emocionar.

  • Como você é dura!

  • (Pausa) Porque diz isso?

  • Você sentiu algo quando eu falei isso?

  • (Pausa) Sim.

  • Segundo você, você não deveria ter sentido… deveria apenas ter pensado sobre o que eu falei.

  • Hum…

 

Ser objetivo é importante em nossas vidas. Esta capacidade serve para tomar decisões e avaliar com realismo nossos resultados. Porém existe outra característica que é confundida com objetividade que é a frieza.

Ser objetivo é uma característica que tem a ver com a maneira pela qual a pessoa lida com os fatos. Diz-se do objetivo a pessoa que consegue raciocinar em cima de dados e fatos, tirando conclusões a partir da realidade e elaborando ações para esta realidade. O contrário do objetivo é a pessoa que já tem uma versão da realidade e busca adaptar os fatos às suas teorias. A objetividade, assim sendo considerada, é uma característica que pode acompanhar diversos tipos de emoções. A curiosidade, inclusive, é um estado afetivo que liga-se muito bem à objetividade.

Frieza é outro departamento. Quando fala-se em frieza aponta-se para a maneira pela qual a pessoa valoriza os estados emocionais. Frieza não está ligado à não sentir determinada emoção e sim à desvalorizar a presença da emoção em si e nos outros. “Tratar com frieza” é uma expressão que usamos quando percebemos que alguém está deliberadamente ignorando expressões afetivas. É possível ser frio e objetivo sim, porém as características não são sinônimos.

Ambas as habilidades tem sua importância em nossas vidas. Ser frio assim como ser objetivo são características que podem ser úteis dependendo do contexto e dos objetivos da pessoa. Podem também ser utilizadas de maneira inadequada quando, por exemplo, tenta-se se frio sempre que o contexto provoca emoções. Ora, lidar com emoções através da frieza pode ser útil, porém não será útil sempre. Existem situações em que lidar com os fatos é importante, porém, quando estamos criando, muitas vezes temos que torcer a realidade e deturpá-la para conseguirmos criar algo novo.

Em geral o que vejo no consultório é que existem dois problemas em relação à estes temas: ter a frieza como resposta padrão para estados emocionais e ser objetivo com tudo. O primeiro caso tem a ver com uma baixa capacidade de lidar com as emoções. Em geral a pessoa teme perder o controle ou – numa acepção errônea do termo – não ser “objetivo”. É importante aprender a desenvolver uma maleabilidade emocional afim de entender que cada emoção possui uma função e que isso não prejudica, mas sim adapta a percepção da realidade ou, até mesmo, chama atenção à determinados elementos do real.

O segundo caso é o típico “chato” que não consegue relaxar e se soltar numa conversa porque tudo para ele precisa de evidências, justificativas e provas. Ser objetivo o tempo enche a pessoa de um conhecimento prático da vida, por outro lado, muita praticidade torna a vida seca e áspera. É necessária uma certa dose de subjetividade que é o que dá cor aos dados e ao lado prático da vida. Afinal mesmo aquilo que chamamos de objetivo possui o fato de ser visto por um humano que tem uma visão sempre limitada do real e, portanto, é subjetivo.

Abraço

Visite nosso site: http://www.akimneto.com.br

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: